Conselho Regional de Psicologia faz entrega de carteiras profissionais para novas(os) inscritos no CRP19

22/10/2019 -15H32

               Na manhã desta terça-feira, 22, o Conselho Regional de Psicologia da 19ª Região realizou cerimônia de entrega das carteiras profissionais.  Essa foi a primeira solenidade da gestão do IV Plenário, empossado em 26 de setembro de 2019. A recepção às (aos) 17 novos inscritas(os) foi feita pelo Conselheiro Presidente do CRP19, Naldson Melo.

               “Esse é um momento muito importante para o Conselho e para as(os) psicólogas(os) que estão recebendo suas carteiras profissionais. Nesse encontro todas(os) recebem orientação prévia em relação à prática do profissional na área psi. Foram duas horas intensas de informações e troca de experiências”, falou.

                 Com o objetivo de integrar a categoria nas ações do Conselho, a programação contou com palestra voltada para a orientação das(os) profissionais. As psicólogas Marcela Flores (CRP19/1096), Orientadora Fiscal e Lidiane Drapala (CRP19/1664), assessora de pesquisa do CREPOP, trataram da estrutura e o funcionamento do Sistema Conselhos de Psicologia, a história recente de criação do CRP19 e suas atribuições, apresentaram a nova gestão, esclareceram as diferentes competências entre conselho, sindicato e associação. Outros temas abordados foram com relação às práticas regulamentadas e práticas reconhecidas, avaliação psicológica, ética profissional, além das normas técnicas para atuação profissional.  

               “As entregas de carteiras profissionais sendo feita de maneira intersetorial entre Comissão de Orientação e Fiscalização, Comissão de Ética e presidência, representando o Plenário, é uma aposta de fidelizar a categoria ao CRP, de criar mais possibilidades de percepção na representatividade. É também uma oportunidade de convidar a categoria para atuar politicamente no cotidiano do CRP19, seja em cooperação com grupos de trabalhos, em solicitação para orientação específica ou ainda agregando saberes no que diz respeito às práticas de políticas públicas. Em momentos como esse nós divulgamos o CREPOP para além da própria discussão da entrega de carteira profissional no que diz respeito à orientação, disciplina e fiscalização. Nesses encontros fazemos um paralelo entre mercado de trabalho, participação política da categoria, a busca de fortalecimento das políticas públicas, visualizando uma melhor inserção da categoria profissional e a percepção de que fazem parte um grande grupo de profissional no Brasil”, enfatizou Drapala.